Afinal o que levar para a maternidade? Descubra aqui!

mala-maternidade

Vai ter um filho e ainda não sabe como preparar sua bolsa para o dia do nascimento? Então, você precisa ler este texto agora mesmo! Se ainda tem dúvidas sobre quando ou o que levar para a maternidade, saiba que não está sozinha.

Isso porque decidir tudo o que é preciso levar para o tão esperado dia do nascimento do filho, principalmente se for a primeira vez, causa muitas incertezas. Apesar de alguns itens serem mais comuns e óbvios, há uma série de outros que não devem ser deixados de lado quando o assunto é a mala da maternidade. No entanto, nem sempre a gestante lembra deles.

Pensando nisso, neste artigo, trazemos uma lista com tudo que é preciso para a mamãe, para o bebê e também para o pai, levando em conta a necessidade de roupas, de produtos de higiene e de documentação. Para saber que itens são esses, continue a leitura!

Foto: welovefamily.at

Quando preparar a bolsa para a maternidade?

Muitas mamães deixam para pensar no que colocar na bolsa para a maternidade nos dias finais antes da previsão do parto. O problema é que nem sempre sai tudo como planejado e, se a hora do nascimento adiantar, você pode correr o risco de ir para o hospital sem levar os itens básicos.

Por isso, é muito importante cuidar desse detalhe com alguma antecedência, mesmo que a previsão seja de ter o parto por cesárea, afinal nunca se sabe o momento certo que seu filho virá ao mundo.

Por essa razão, recomenda-se começar os preparativos ao longo de toda a gravidez, ou seja, você pode ir comprando as roupinhas e os produtos essenciais para você e para seu bebê durante os 9 meses que antecedem a chegada dele. Entretanto, por volta dos 7 meses, é bom já iniciar a montagem da mala, para que tudo seja feito com calma.
O ideal é que por volta das 36 semanas, ou seja, chegando próximo aos 9 meses de gestação, já esteja tudo pronto, principalmente se houver alguma indicação de parto prematuro.

Caso o nascimento do seu filho seja próximo a estações mais frias do ano, aproveite os dias de sol para lavar as roupas com sabão neutro ou de coco, de modo que elas fiquem limpas para a hora da chegada do bebê.

Foto: dektam.su

O que levar para a maternidade?

Agora que você já sabe quando começar a preparar a bolsa, vamos mostrar exatamente o que levar para a maternidade no que diz respeito a roupas, produtos de higiene e documentação.
Na lista, estão itens para toda a família, incluindo a mãe, o bebê e também o pai, levando em conta que o tempo médio de internação para parto normal é de 2 dias e para parto com cesária, 3 dias. Vamos ver quais são?

Para a mãe

Roupas:

  • pelo menos 3 pijamas ou camisolas confortáveis e que tenham abertura frontal para permitir a amamentação;
  • 4 ou mais calcinhas que sejam específicas para pós-parto — são aquelas mais altas e com compressão para que seguram a barriga sem apertá-la;
  • entre 3 e 4 soutiens de amamentação — são aqueles que possuem abertura frontal, permitindo que o bebê alcance o seio sem que a mãe precise retirar a peça;
  • 1 muda de roupa para o dia da saída da maternidade;
  • 1 penhoar ou robe para usar durante as visitas ou para ir ao banho;
  • 2 pares de chinelo confortáveis e seguros, um para o quarto e outro para usar no banho;
  • 3 ou 4 pares de meia, principalmente se estiver mais frio;
  • 1 cinta pós-parto, caso opte por usar;
  • agasalhos de frio, caso as temperaturas estejam mais baixas.

Produtos de higiene:

  • 1 pacote de absorvente noturno ou mesmo absorvente específico para pós-parto que contenha, pelo menos, 16 unidades para conter o sangramento vaginal após o nascimento do bebê;
  • concha ou absorvente para os seios, pois nos primeiros dias é comum que o leite fique vazando;
  • creme protetor para os mamilos, a fim de evitar o ressecamento;
  • bolsinha com produtos de higiene pessoal contendo escova dental, fio dental, creme dental, shampoo, condicionador, hidratante, sabonete, touca de banho, desodorante, escova de cabelo e o que mais considerar necessário;
  • maquiagem e produtos demaquilantes, caso tenha hábito de usar;
  • remédios que sejam de uso contínuo;
  • acessórios para amarrar os cabelos.

Documentos:

  • boletim de saúde da grávida;
  • exames, ecografias e análises realizadas no período da gravidez;
  • documentos de identificação;
  • cartão de beneficiário do sistema de saúde ou de plano de saúde.
Foto: lettoquotidiano.it

Para o bebê

Roupas:

  • 6 macacões, 6 bodies ou camisas tipo pagão e 6 calças com pé do tamanho recém-nascido;
  • 1 manta de algodão para envolver o bebê;
  • 1 xale, que pode ser de linha ou de tecido mais quente;
  • toalhas para o bebê;
  • sabonete líquido;
  • pacote com 20 a 30 fraldas;
  • pomada para evitar assadura;
  • pelo menos 2 casaquinhos com abertura frontal;
  • 5 fraldas de tecido e 3 paninhos para a boca;
  • meias, toucas e luvinhas se estiver muito frio.

Para o pai

Roupas e produtos de higiene:

  • produtos de higiene como escova dental, sabonete e toalha (outros itens podem ser usados os mesmos da mãe);
  • 1 muda de roupa limpa e confortável;
  • 1 pijama;
  • cuecas e meias;
  • 1 par de chinelo.

Diversos:

  • celular e câmera fotográfica (caso tenha);
  • carteira;
  • documentos pessoais;
  • bebê conforto para o carro.

O que fazer se algo ficar para trás?

No meio da correria que é o início do trabalho de parto, é normal que se esqueça algum item relevante. Nesses casos, o ideal é não entrar em desespero, pois certamente alguém poderá ajudar e buscar o que falta e levar até a maternidade. Lembre-se de que o mais importante nessas horas é ter calma.

Depois de definir o que levar para a maternidade, tenha em mente que tudo dará certo! Além do mais, programe-se para fazer fotos desse momento especial. Para isso, prepare uma câmera ou um smartphone com boa qualidade e peça para o pai ou o acompanhante fazer os primeiros registros ao lado do bebê.

Gostou deste post? Aproveite que está por aqui e saiba como organizar um ensaio fotográfico do bebê de modo a eternizar os primeiros dias de vida dele.