Não perca 7 dicas de ouro para tirar fotos de pets perfeitas 📸🐶💕

Fotos de pets são sempre um sucesso nas redes sociais, não é mesmo? Elas são capazes de arrancar suspiros e atraem muitas curtidas. Porém, quem vê aquele registro lindo em uma postagem muitas vezes não imagina a dificuldade, nos bastidores, de fazer com que o animalzinho fique quieto — e, ainda, todo o tempo gasto para encontrar o melhor ângulo para fotografá-lo.

Por esse motivo, muitas pessoas têm dificuldades ao tentar fazer a foto perfeita do bichinho. Mas, para driblar as dificuldades, algumas sugestões relacionadas à paciência e ao posicionamento do fotógrafo, à captura de expressões, ao local e à iluminação podem ser bem úteis.

Quer saber mais detalhes? Então, continue a leitura, porque vamos explicar para você as 7 dicas de ouro para arrasar nas fotos de pets!

1. Tenha paciência

Antes de qualquer coisa, a primeira dica que deve ser dada é: tenha paciência. Como o seu pet não sabe o porquê de você estar apontando aquela lente para ele, pode ser difícil fazê-lo ficar parado ou na posição desejada. Portanto, não adianta se desesperar nem fazer as fotos com pressa. É preciso tempo.

Para facilitar, você pode utilizar alguns comandos para que ele se sente, fique deitado ou em pé, caso ele seja minimamente adestrado. Se não for, aguarde até que o bichinho esteja na posição e no local corretos. Faça vários cliques, para depois ter a possibilidade de descartar aqueles que não ficaram tão bons assim e até mesmo corrigir eventuais falhas nas outras fotos.

2. Busque o ângulo certo

Uma fotografia tirada de cima para baixo, em que o pet esteja centralizado e à sua volta haja apenas o piso ou a grama, é muito comum e pode não fazer tanto sucesso assim. Portanto, busque o ângulo correto, posicionando a sua câmera ou o seu smartphone na mesma altura dos olhos do animal, por exemplo. Isso cria maior proximidade com a pessoa que vê a foto.

Caso vá fotografar apenas a cabeça do bicho, procure manter ângulos de 45 graus em relação a ela. Para fotos mais engraçadas e fofinhas, aproxime a lente do focinho e tente desfocar um pouco o restante do corpo.

Lembre-se: não é obrigatório que todo o corpo dele sempre apareça nas fotografias, bastando enquadrar corretamente as regiões que mais chamam atenção, como o rosto e, principalmente, os olhos, que são bastante expressivos.

3. Procure fazer diferente

Registros dos animaizinhos sentados ou deitados no chão ou no gramado são fáceis e, por isso, mais comuns de serem feitos. Em consequência, esse tipo de foto acaba despertando menos interesse. Então, ao fazer as fotos do seu pet, tente pensar fora da caixa!

Caso queira uma foto com um ar mais sereno, vale fotografá-lo após um passeio, quando ele estará mais cansado. No entanto, é interessante explorar momentos diferentes do bichinho, não se limitando ao tempo de descanso dele.

Uma sugestão é tentar fazer os registros enquanto ele brinca, correndo ou interagindo com pessoas ou com outros animais. Fotos espontâneas também ficam ótimas!

4. Mostre expressões

O simples fato de olhar para uma foto de pet já faz com que o “fofurômetro” das pessoas exploda. Mas, para que a fotografia fique ainda mais fofa, uma dica valiosa é registrar as expressões do bichinho.

Assim, vale fotografá-lo quando ele estiver com aquele “sorrisão” no rosto enquanto brinca. Também é superválido fazer as fotos no momento em que ele está com aquela cara de piedade, de olho no que você está comendo. Até mesmo a expressão de culpa que eles fazem quando levam alguma bronca pode render bons registros. Pense nisso!

5. Deixe o pet entretido

Tirar fotos do seu pet apenas olhando para a câmera ou dormindo não tem a mesma graça de um registro em que ele esteja realmente se divertindo. Por isso, a dica é mantê-lo entretido, podendo ser com o próprio dono ou com algum brinquedo.

Essa estratégia também é útil para evitar que o seu amiguinho se distraia com objetos, outros animais ou pessoas não envolvidos naquela sessão de fotos. Assim, se você conseguir captar a atenção dele para algo interno ao ambiente da fotografia, será mais fácil mantê-lo sob controle e fazer bons registros.

6. Escolha bem o local

Embora o foco das fotos seja o seu pet, o cenário em que elas serão feitas também conta muito no resultado final. Primeiramente, o local deve ser aquele em que o animal se sinta confortável ou que ele já conheça, para evitar que a presença de outros bichos, por exemplo, o distraia ou impeça de transparecer naturalidade.

Em segundo lugar, não é preciso ornamentar todo o cenário para os registros. Aqui, vale o ditado “menos é mais”. Como a intenção é que o destaque da foto seja o bichinho, evite muitos detalhes no ambiente em que ele será fotografado, até mesmo para transmitir mais naturalidade.

7. Atente-se à iluminação

Além do local, para qualquer fotografia que se faça — seja de pessoas, seja de animais — a iluminação é um fator muito importante. Afinal, você deve concordar que uma foto escura ou com muitos pontos de sombra é menos interessante do que aquela em que a luz bem aproveitada permite enxergar com nitidez todos os seus elementos e detalhes.

Então, ao fazer fotos de pets, prefira ambientes bem iluminados, natural (pelo sol) ou artificialmente (com lâmpadas e flash próprios para fotografia). Ainda, lembre-se de que posicioná-los contra a luz gerará o efeito de se ver apenas a silhueta deles. Se essa não for a sua vontade, faça os registros com o animal em posição a favor da fonte de iluminação.

É possível perceber que aquelas belas fotos de pets frequentemente postadas nas redes sociais podem ter passado por todo um processo para serem feitas. No entanto, como visto nesse texto, embora haja alguns detalhes aos quais se atentar, não é preciso ser um fotógrafo profissional para fazer registros perfeitos deles — basta seguir as dicas sugeridas aqui.

A partir delas e com um pouco de prática, logo, logo você estará dominando a arte de fotografar o seu bichinho e conquistando o coração (e as curtidas!) dos seus amigos e familiares. Que tal?

Se gostou do post, aproveite para também garantir registros cheios de personalidade conferindo nosso conteúdo sobre poses criativas! Assim, você e seu pet terão fotos incríveis, que serão recordadas com muito carinho.